Pedro Henrique revela conversa com Carille e crava permanência no Corinthians

Pedro Henrique garantiu que permanece no Corinthians em 2019 (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Entre jogadores sendo emprestados e reforços a caminho, Pedro Henrique “fincou” seus pés no Corinthians. Em entrevista exclusiva ao Meu Timão, o zagueiro admitiu que houve sondagens para uma possível saída do clube alvinegro, mas garantiu sua permanência em 2019 após uma conversa com Fábio Carille. Cria das categorias de base, o jogador de 23 anos terminou o ano na reserva do Timão e garantiu a busca pela titularidade na próxima temporada.

“Apareceram muitas sondagens e alguma proposta pra mim sair agora, mas meu desejo foi sempre permanecer, até porque eu sempre falei que queria ser titular e me firmar. Como esse ano acabou não acontecendo, eu tenho esse desejo de permanecer. Carille disse que conta comigo, e eu confio muito no trabalho dele. A gente decidiu e confiou em ficar, é um cara que eu gosto muito da filosofia de trabalho e que eu tenho certeza que vai dar mais uma vez certo no Corinthians”, disse Pedro Henrique.

O camisa 34 iniciou 2018 como titular na zaga do Corinthians, logo após a saída de Pablo. Ele teve a chance de se firmar ao lado de Balbuena, mas a vaga no time principal acabou ficando com Henrique desde sua chegada ao clube. Pedro Henrique chegou a atuar como substituto do paraguaio, que trocou o Timão pelo inglês West Ham em julho, mas voltou a perder espaço com Jair Ventura – que bancou Léo Santos como titular.

A permanência no banco de reservas na reta final do segundo semestre, segundo Pedro Henrique, não foi das melhores experiências. “Foi meio complicada, não houve nenhum tipo de conversa com motivos para me tirar. Mas respeito a opinião, é a decisão dele (Jair Ventura), mas claro que não fiquei satisfeito. Em nenhum momento eu desanimei, eu dei sempre meu melhor nos treinos pra ajudar ele, espero que Deus abençoe a carreira dele”, afirmou.

Com a saída de Jair e o retorno de Carille, as perspectivas do jovem zagueiro no Corinthians se iluminaram. “Eu falei para ele (Carille) que tinha umas situações de mercado e perguntei o que ele achava. Ele pediu pra eu ficar e confio na coerência que ele tem com os atletas“, relatou Pedro Henrique.

“Ninguém tem vaga garantida nesse começo de ano. Aquele que tiver melhor, joga. Sem duvida nenhuma, isso me deixa mais motivado a ficar e buscar meu espaço”, garantiu.

Vale destacar que, na atual janela de transferência, Pedro Henrique chegou a ser cogitado como moeda de troca para a contratação de Luan, no Atlético-MG, ao lado do meia-atacante Clayson. Porém, o negócio não vingou e as conversas do Timão pelo meia seguiram sem outros nomes envolvidos.

Por fim, seguindo no Corinthians, Pedro Henrique mantém ótimas projeções para o próximo ano. “A expectativa está das melhores, confio no meu potencial e sei das minhas qualidades, espero fazer uma grande temporada”, encerrou.

Fonte: Meu Timão

Leia também:
Fluminense finaliza ‘burocracia’, e Corinthians se aproxima de anúncio de Sornoza
Agente e advogado de Boselli são aguardados pela diretoria do Corinthians nesta quinta-feira
Corinthians e Santos finalizam detalhes para a realização de amistoso na Arena; data está definida
Quebra-cabeça: Corinthians inicia 2019 com 31 jogadores no elenco; oito são atacantes