Ponte afirma contar com Pottker em 2017 e nega proposta do Corinthians

Pottker Ponte Preta

Interesse do Timão por Pottker ganhou força nesta terça-feira, mas presidente Vanderlei Pereira, em nota oficial, disse que a Macaca não foi procurada

No que depender da Ponte Preta, Pottker segue no clube em 2017 – o jogador tem vínculo com o clube até o fim de 2019. Por meio de nota oficial na tarde desta terça-feira, o presidente do clube, Vanderlei Pereira, garantiu que a Macaca não foi procurada pelo Corinthians ou qualquer outro time brasileiro.

– Não recebemos propostas nem de Corinthians nem de Botafogo, como se fala por aí. A única proposta que veio foi da China e ela foi recusada. A Ponte conta com Pottker para 2017 e não está negociando o atleta e nem tem interesse de uma saída dele – disse o presidente Vanderlei Pereira.

A postura da Ponte se deu por conta do surgimento do interesse do Corinthians em Pottker. Ainda nesta terça-feira, em entrevista à Rádio Bandeirantes, o técnico corintiano Fábio Carille disse existir “uma possibilidade grande dele reforçar o nosso grupo”. Caso o Timão queira o artilheiro do Brasileirão, com 14 gols, ao lado de Diego Souza (Sport) e Fred (Atlético-MG), terá que pagar multa contratual. Nas últimas semanas, o atacante também teve o nome ligado ao Botafogo.

Empresário da Elenko Sports (que cuida da carreira do atacante), Guilherme Miranda garantiu, na semana passada, que ambição no Paulistão de 2017 era um dos trunfos para manter Pottker no clube. Ele, aliás, disse que o relacionamento entre Macaca e Elenko era decisiva para resolver a situação, tanto que o jogador foi orientado qual caminho deveria seguir. A Ponte detém os direitos federativos do jogador, além de ter um percentual em cima dos direitos econômicos do mesmo.

Fonte: Ge.com

Leia também:
Fluminense finaliza ‘burocracia’, e Corinthians se aproxima de anúncio de Sornoza
Agente e advogado de Boselli são aguardados pela diretoria do Corinthians nesta quinta-feira
Corinthians e Santos finalizam detalhes para a realização de amistoso na Arena; data está definida
Quebra-cabeça: Corinthians inicia 2019 com 31 jogadores no elenco; oito são atacantes