Corinthians volta a negociar com Pablo e pode contratá-lo para 2018, diz portal

Pablo foi campeão paulista e brasileiro pelo Corinthians em 2017 (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

O zagueiro Pablo pode sim permanecer no Corinthians para a temporada de 2018. A informação foi publicada nesta segunda-feira pelo site da ESPN Brasil.

De acordo com a reportagem, a diretoria do Corinthians foi procurada recentemente pelo empresário Fernando César, que agencia Pablo. Houve retomada das negociações.

A novidade pega de surpresa torcedores não apenas do Corinthians mas também de outros clubes. No último domingo, o Fernando César falou abertamente em entrevista à Rádio Bandeirantes que estava negociando seu cliente com o Palmeiras.

Fato é que, desde que aparentemente encerrou sua passagem pelo Corinthians, Pablo teve o nome ligado não apenas ao arquirrival do Timão como também a Flamengo e Atlético-MG. Nenhum dos clubes, a exemplo da equipe alvinegra, chegou a um acordo pela contratação.

Vale lembrar que Pablo pertence ao Bordeaux. O clube francês desde o início do ano fez questão de deixar claro que a prioridade é negociar o zagueiro em definitivo com o Corinthians. Para tal, o Timão deve desembolsar 3 milhões de euros (aproximadamente R$ 12 milhões). Ademais, haveria ainda pagamento de luvas e reajuste salarial.

Em tempo: por conta das negociações até então encerradas com o Corinthians, Pablo foi vetado do jogo da festa de heptacampeão, no fim do mês passado, contra o Atlético-MG, na Arena, em Itaquera. Apenas na semana seguinte o zagueiro foi autorizado a posar ao lado do troféu, quando foi ao CT Joaquim Grava se despedir dos colegas.

Solução – A eventual contratação em definitivo de Pablo, que atuou pelo Corinthians emprestado pelo Bordeaux, cairia muito bem no clube do Parque São Jorge. Isso porque a diretoria vem enfrentando dificuldade para engatar boas negociações por zagueiros. O setor é tratado como prioridade por Fábio Carille, mas nomes outrora especulados como Henrique (Fluminense), Marllon (Ponte Preta) e Moisés (América-MG) ficam cada vez mais distantes.

Fonte: Meu Timão

Leia também:
Danilo Avelar admite queda de rendimento, lista possíveis motivos e diz que pode melhorar no Corinthians
Andrés Sanchez se reúne com presidente do Real Madrid em passagem pela Espanha
Diretoria do Corinthians sobre Jair Ventura em 2019: ‘Não temos intenção nenhuma de mudar’
Jair Ventura admite que Corinthians ‘não jogou tão bem’, mas ressalta importância de vitória sobre Vasco