Sonhando com o Corinthians, meia-atacante se destaca no futebol turco

Fã declarado do Corinthians, o meia Anderson Talisca vem se destacando no futebol da Turquia

Admirador declara do Corinthians e da Fiel, o meia Anderson Talisca vem chamando atenção em sua atuação pelo futebol turco. Jogando com a camisa do Besiktas desde o último ano, o jogador já conquistou a marca de seis gols em 11 jogos na Super Liga da Turquia da temporada 2016/2017.

Emprestado ao Besiktas pelo Benfica, de Portugal, o meia atravessa uma ótima fase em seu futebol. Na última partida em que esteve presente pelo clube turco, no duelo contra o Akhisar Belediye, neste domingo, Talisca foi responsável por um dos três gols da vitória de 3 a 1 de seu atual time. O tento veio em um chute certeiro de fora da área, aos 27 minutos do primeiro tempo, que terminou no fundo do gol adversário.

Revelado no Bahia em 2013, Anderson Talisca foi considerado uma das grandes promessas do futebol brasileiro. Já no ano seguinte, se transferiu ao português Benfica, onde permaneceu por duas temporada até ser emprestado para o clube turco. Recentemente, o jogador comentou a possibilidade de chegar a atuar pelo Corinthians em um futuro próximo – depois de já ter revelado o grande sonho de jogar pelo time alvinegro.

O meio-campista de 22 anos tem contrato com o Besiktas até julho de 2018, porém, o amplo mercado que encontra no futebol europeu pode dificultar sua volta para o Brasil. Durante o segundo semestre do ano passado, o nome de Anderson chegou a ser cogitado como possível reforço pela diretoria corinthiana, mas as tratativas junto ao empresário do atleta, Carlos Leite, não tiveram avanço.

Fonte: Ge.com

Leia também:
Fluminense finaliza ‘burocracia’, e Corinthians se aproxima de anúncio de Sornoza
Agente e advogado de Boselli são aguardados pela diretoria do Corinthians nesta quinta-feira
Corinthians e Santos finalizam detalhes para a realização de amistoso na Arena; data está definida
Quebra-cabeça: Corinthians inicia 2019 com 31 jogadores no elenco; oito são atacantes